Menu
Responsabilidade Social
  • Comitê científico vitafor nutrentes (CCVN)
  • Procedimentos Operacionais
  • Laboratório Científico
  • Selos Internacionais de Qualidade
  • Responsabilidade Social
01

Gestão do Sub-Comitê responsável pelo Programa de arantia da Qualities (CQUAL) composto por níveis interdependentes de documentação, incorporando os seguintes:

  • Manual de Procedimentos Operacionais
  • Rotinas de Fabricação (Instruções de Trabalho - IT's)
  • Registros da Qualidade
  • TNCMC (Tratamento de Não-Conformidades e Melhoria Contínua)
  • Programa de Auditorias Internas e Externas
  • Especificações Técnicas (TEC SPEC's) relativas às Boas Práticas de Fabricação
02

Controle de projeto e formulação de um produto final, envolvendo:

  • Execução de alterações de projeto impostas pelas pesquisas cientificas mais recentes, incluindo as etapas e critérios seguintes:
    • Formulação (abrangência e inovação);
    • Sinergia dos componentes;
    • Mérito cientifico da idéia;
    • Dosagens;
    • Aplicação das informações mais recentes da pesquisa acadêmica;
    • Fonte da matéria prima;
    • Eficácia (estudos clínicos quando disponíveis);
    • Qualidade, pureza e integridade dos componentes;
    • Métodos de fabricação (processos de extração de ingredientes ativos), e segurança.
  • Verificação das alterações de projeto;
  • Avaliação da coerência entre concepção e detalhamento da nova formulação;
  • validação (comparação entre concepção e resultados esperados).
03

Seleção, avaliação e licenciamento de fornecedores de matéria prima e ingredientes individuais como uma das etapas do processo de aquisição, incluindo:

  • Identificação e rastreabilidade da matéria prima;
  • Manuseio;
  • Armazenamento;
  • Transporte do fornecedor para a fábrica;
  • Transporte on-site, e
  • Salvaguardas de garantia de pureza.
04

Emissão de relatórios de não conformidade sempre que forem constatados desvios nas condições especificadas, através de:

  • Auditorias internas;
  • Inspeções rotineiras;
  • Ensaios;
  • Testes para pureza, impurezas e salvaguardas;
  • Visita às áreas, e
  • Análise critica.
05

Gestão, implantação, operação e manutenção do Laboratório Analítico On-Site (LAN) segundonormatização 150 17025, implementando os itens de ação seguintes:

  • Validar métodos analíticos em diferentes níveis, incluindo validação regulatória, validação colaborativamente harmonizada, validação multi laboratorial, validação laboratorial única (especificidade - linearidade - acuidade - intervalo de referência - precisão - limites de detecção - robustez) e Validação de pesquisa e desenvolvimento;
  • Relacionar os métodos de teste e critérios de avaliação que permitam a constatação de que o produto final contenha todos os ingredientes relacionados no rótulo (qualitativamente e quantitativamente);
  • Assegurar a constatação de que o produto final esteja isento de quantidades mensuráveis de contaminantes não declarados incluindo testes para averiguação de transferência e contaminação cruzada;
  • Adotar periodicamente novas metodologias analíticas para validação e análise de ingredientes para os quais ainda não existam metodologias validadas, e
  • Implementar continuamente as Boas Práticas de Laboratório.
06

Emissão de materiais

Emissão de material educacional composto de documentos técnicos, relatórios técnicos, análises de segurança de ingredientes individuais, protocolos integrativos de utilização de produtos finais e especificações técnicas (TEC SPEC's).

07

Atuação como canal de comunicação entre:

  • Fornecedores de ingredientes e matérias primas;
  • Proprietários de pontos de venda (lojas e farmácias de manipulação);
  • Entidades de classe (médicos, nutricionistas, educadores físicos);
  • Utilizadores (hospitais, clínicas);
  • Laboratórios de pesquisas (universidades);
  • Agências regulatórias, e
  • Consumidor final.
01

Procedimentos Operacionais

Todo o processo é padronizado pelos Procedimentos Operacionais Padrão (POP’s), desde o recebimento das matérias-primas, até a finalização do produto acabado.

A Vitafor possui programas de monitoramento, registros, ações corretivas e aplicação constante de check-lists, para garantirmos total qualidade e eficácia dos produtos. Qualidade que se inicia com a seleção dos melhores fornecedores do mercado nacional e internacional. Assim que as MP chegam, são analisadas e somente após serem aprovadas pelo nosso laboratório de controle de qualidade VLabor é que são encaminhadas para o processo de fabricação. Nessa etapa do processo também há um monitoramento para garantir que todos os equipamentos e utensílios estejam devidamente higienizados para o processamento das matérias-primas e após a finalização do processo de produção, o produto final também passa por uma última avaliação para garantir que realmente o produto esteja dentro dos padrões de qualidade da empresa.

As Boas Práticas de Fabricação (BPF) é um conjunto de medidas que devem ser adotadas pelas indústrias de alimentos a fim de garantir a qualidade sanitária e a conformidade dos produtos alimentícios com os regulamentos técnicos.

02

Os Procedimentos Operacionais Padrão e as Boas Práticas de Fabricação visam garantir:

  • 01 Potabilidade da água;
  • 02 Higiene das superfícies de contato com o produto;
  • 03 Prevenção da contaminação cruzada;
  • 04 Higiene pessoal dos colaboradores;
  • 05 Proteção contra contaminação do produto;
  • 06 Saúde dos colaboradores;
  • 07 Controle integrado de pragas;
  • 08 Higienização das instalações, equipamentos, móveis e utensílios;
  • 09 Manutenção preventiva e calibração de equipamentos;
  • 10 Seleção das matérias-primas, ingredientes e embalagens;
  • 11 Monitoramento e aplicação de ações corretivas;
  • 12 Registros dos documentos de monitoramentos e ações corretivas;
  • 13 Padronização e qualidade de todos os produtos fabricados.

Nosso objetivo é certificar que todos os procedimentos realizados sigam as normatizações internacionais que garantam a eficácia de todo nosso processo de fabricação, pois, estabelecem requisitos que auxiliam na melhoria dos processos internos, na maior capacitação dos colaboradores, no monitoramento do ambiente de trabalho, na verificação da satisfação dos clientes, colaboradores e fornecedores, num processo contínuo de melhoria do sistema de gestão da qualidade.

01

Laboratório Analítico

Qualidade, eficácia e transparência. Foi com este objetivo que implantamos nosso moderno laboratório de controle de qualidade e desenvolvimento de novos produtos, o Vlabor. Contando com todos os equipamentos necessários para a realização dos testes exigidos pelos mais rigorosos controles de qualidade mundiais, temos também a capacidade técnica e material de desenvolver novos produtos baseados nos conhecimentos médicos, fisiológicos, nutricionais e acadêmicos mais recentes.

02

Análise de Produtos

Todos os novos lotes de matéria-prima recebidos pela Vitafor são retestados individualmente para avaliação da qualidade pós transporte. Desta forma garantimos que o produto recebido chegou com a mesma qualidade indicada pelo laudo de análise do produtor. Após o término da composição final do produto, outro teste é realizado, mas agora do composto final, ou seja, após todas as matérias-primas primas terem sido misturadas constituindo o produto final, realizamos um novo teste, o do lote. Além da realização de testes em todos os produtos e ingredientes, é feito também em recipientes, sachês e cápsulas. Assim garantimos que o cliente receberá um produto íntegro, seguro e re-testado exaustivamente.

03

Análises Físico-Químicas

  • Umidade
  • Turbidez
  • Granulometria
  • Solubilidade
  • Viscosidade
  • PH
  • Visual macroscópicos
  • Dureza
  • Visual microscópicos
  • Teores (Proteínas, Fibras, etc.)
  • Protocolos para detecção de diversas substâncias (espectrofotometria)
  • Desintegração
  • Fibrilidade (teste de queda)
  • Nebulização fria e/ou aquecida
04

Testes Organolépticos

Odor / Sabor / Palatibilidade
O Vlabor conta também com um moderno departamento de microbiologia aplicada, onde, além de realizar todos os testes microbiológicos exigidos pelo controle de qualidade tem a capacidade de promover diversos ensaios específicos referentes a bacteriologia e micologia. Entre eles podemos citar:

05

Ensaios Microbiológicos

  • Competição entre diferentes probióticos
  • Inibição específica
  • Produção de bacteriocinas
  • Ingredientes antibióticos
  • Curva de crescimento bacteriano
  • Cálculo do tempo de geração
  • Produção de peróxidos
  • Transformação
06

Testes Microbiológicos

  • Contagem de viáveis (UFCs)
  • Resistência a bile
  • Resistência a gastrina
  • Coliformes totais
  • Contaminantes exógenos
  • Identificação

O laboratório de microbiologia Vlabor tem a capacidade de estudar novas composições microbiológicas garantindo segurança e qualidade ao consumidor além de contar com tecnologia suficiente para desenvolvimento de novos produtos pré-escalonamento.

07

Desenvolvimento de novos produtos

Além da realização de todos os testes necessários para garantir a melhor qualidade possível para nossos produtos, o Vlabor realiza também o desenvolvimento de novas composições que depois de exaustivos e repetidos testes envolvendo todos os departamentos científicos, resulta em um novo produto com a marca registrada Vitafor; qualidade, eficiência e transparência.

01

IFOS

ifos

O Programa Internacional de Padrões de Óleo de Peixe (IFOS) é o único programa de terceiro teste e de certificação de produtos com ômega-3 de peixes.

IFOS define o padrão ouro na indústria de óleo de peixe de segurança, pureza e qualidade.

As características únicas:

  • Os produtos são analisados com os mais altos padrões da indústria para os contaminantes, estabilidade e potência.
  • Fornece Consumer Reports para download, grátis para os consumidores acessar através do site da IFOS. Consumer Reports contêm os resultados detalhados para todas as categorias de teste por lote.
  • Cada número do lote individual testado é exibido, eliminando qualquer dúvida na mente do consumidor e informando que seu produto é realmente certificado pela IFOS.

IFOS é exclusivamente focado em produtos com ômega-3 de óleo de peixe.IFOS tem longa experiência óleo de peixe, testes em todos os pontos ao longo da cadeia de suprimentos e é dedicada a servir a indústria e os consumidores.

omgeaforplus 60omgeafor 60MEGA DHA 120

02

IKOS

ikos

IKOS é um selo internacional que garante a qualidade do óleo de Krill. O selo analisa se o conteúdo do produto é exatamente o que o rótulo alega quanto a quantidade de EPA e DHA, e garante a segurança quanto a contaminação do ambiente segundo o Council for Responsible Nutrition (CRN) e o World Health Organization (WHO), são elegíveis para a inclusão no site da IKOS.

O programa IKOS atesta os produtos para:

  • A quantidade de ômega-3;
  • Quantidade de Astaxantina;
  • Pureza, segurança e limpeza;
  • Estabilidade;
  • Metais Pesados e Mercúrio

 krill vit 60 baixa

01

Responsabilidade Social

Para promover o desenvolvimento de comunidades sadias e o bem-estar do ser humano a Vitafor contribui com a promoção de eventos e cursos elacionados com a área da saúde a fim de proporcionar mais informações às pessoas que se preocupam com a saúde humana. Mantemos anualmente um programa de apoio ao tratamento de crianças carentes, por meio de instituições brasileiras idôneas e sem fins lucrativos.

02

Sustentabilidade

A Vitafor trabalha pelo desenvolvimento sustentável da sociedade e incorpora sustentabilidade em suas operações. Todos os resíduos gerados pela empresa são mínimos, não tóxicos e todas as embalagens utilizadas na fabricação dos produtos podem ser recicladas, favorecendo assim o meio ambiente.